A empresa australiana Qantas anunciou que quando houver vacina, o certificado será obrigatório em voos internacionais.

Na última quarta-feira, 25, a maior companhia aérea da Austrália, Qantas Airways, anunciou que somente passageiros vacinados contra a Covid-19 poderão embarcar em seus voos internacionais futuramente. As informações são do jornal O Globo. Sabe-se que a vacina contra o novo coronavírus ainda não está pronta e está em fase de testes. Mas, enquanto isso, alguns países discutem a obrigatoriedade da imunização através de vacina.

Contudo, para a companhia aérea o assunto já está definido e assim que a vacinação estiver disponível para a população, a medida entrará em vigor, para isso, um certificado será exigido dos passageiros. De acordo com o presidente da companhia, Alan Joyce, em breve decisão será unanimidade no setor da aviação.

"Estamos considerando mudar nossos termos de uso para viajantes internacionais, para dizer a eles que pediremos às pessoas que se vacinem antes de embarcarem no avião. Para os viajantes internacionais que vêm para a Austrália e para as pessoas que estão deixando o país, achamos que é uma necessidade", revelou Joyce em entrevista para o canal de televisão Channel Nine.


Coronavírus na Austrália

De acordo com os últimos dados divulgados pelos órgãos de saúde do país, atualmente a Austrália registra 27.867 mil casos de infecção pelo novo coronavírus, com 907 vítimas fatais em decorrência da doença.


Via Aventuras na Historia Uol

Deixe seu Comentário